Insônia

by - 22:50:00

Eu estou apaixonada. Completamente, absurdamente e estranhamente apaixonada.  
Estou apaixonada a ponto de ter insônias, calafrios e borboletas no estômago.  
Estou apaixonada a ponto de ter crises histéricas de choro e desespero.  
Apaixonada por um desconhecido.

Meu Deus. A que ponto eu cheguei?

Lembro-me quando vi seu sorriso pela primeira vez. Senti meus olhos dilatarem, minhas mãos suarem, minha respiração falhar, e instantaneamente, irresistivelmente e involuntariamente sorri de volta, assim, simples, sem nenhum esforço.
Era como se você tivesse aparecido no momento certo, na ocasião certa e da maneira mais despretensiosa possível. 
Queria que aquele momento durasse para sempre. Eu poderia ficar observando você por horas e horas e juro que não iria me importar se tivesse que passar mais outras tantas horas a te observar. Eu poderia embarcar nesse mar de conforto que o seu sorriso me proporcoona. Eu poderia tanta coisa...

Me vi perdida nos pensamentos e na imensa vontade de te encontrar. Adoraria que a vida pudesse dar um jeito de fazer a gente se encontrar. Ou fazer você me encontrar, porque, pra ser bem sincera, confesso que te achei. 
Me vi perdida nas imensas ilusões, histórias e diálogos que criei, na esperança de um dia poder dizer para você. 
Senti meu coração apertar e meus olhos embarcaram em uma onda de choro sem fim. 
Era você.  Era você que estava no meu coração e na minha cabeça.  Era você que estava ocupando meus pensamentos e não me deixava dormir. Era você que estava me fazendo sentir todo aquele calafrio que há tempos não sentia. Era você que estava causando borboletas no meu estômago.  
Era você, o tempo todo.
Era você quem havia me tirado da mesmice e da zona de conforto.
Era você quem havia me causado insônia. 
Tentei livrar meus pensamentos de você, mas a cada passo que dou para trás, sinto que me afundo cada vez mais nesta ilusão. Sim. Doce e podre ilusão.  Doce, podre e ridícula ilusão de que um dia terei você comigo. Ilusão de que um dia seus sorrisos serão únicos e exclusivos para mim. Ilusão de que um dia terei você. 

Você, o estranho do sorriso bonito, que já se tornou parte de mim. 

Te desejo um mar de sorrisos! E que ao menos uma ponta desse sorriso seja minha.