Reencontrando

by - 10:09:00

Às vezes a gente se perde e demora a se achar de novo.
Mas, o mais perigoso mesmo, é quando a gente se perde e não se encontra.
Eu me perdi por esses dias, e, surpreendentemente não me encontrei. 
Me perdi quando achei que havia me encontrado, mas só então me dei conta que as coisas só haviam começado...

Foi uma reviravolta na minha vida, em diversos e distintos sentidos. 
Me redescobri como pessoa, como filha, irmã, amiga, profissional, e, principalmente, como mulher.
Reencontrei uma paixão antiga, e coloquei em prática aquilo que sabia. Sabia como conversar, como ouvir, como tentar, e como amar. Conversei, ouvi, tentei, amei.
Descobri, também, uma paixão, e quem sabe um dom, que não sabia que existia. Na verdade, sabia, mas fiz questão de deixar ali, adormecida. 
Me perdi em meio de dúvidas, apostas, incertezas e inseguranças, mas me encontrei no meio de livros, giz, pessoas e carinho. 
Me perdi em meio de sentimentos confusos, de palavras vazias, de promessas desnecessárias e saudade passageira, mas me encontrei na reciprocidade que havia dentro de mim. Amor próprio é tudo de bom.

Os dias têm sido assim, me perdendo, me encontrando, errando e tentando acertar.

Um mês me fez repensar sobre tudo, e rever minhas prioridades para esse ano

É tão bom se perder e se encontrar!
Mas também é muito bom não se encontrar, e perceber que tudo mudou. ♥