Herbário e a felicidade em não procrastinar!

by - 23:57:00

Dá até uma felicidade grande quando você vê que finalmente está "tirando as coisas do papel", e de fato realizando-as. É bom demais deixar de procrastinar as coisas, não é mesmo?


Finalmente, estou fazendo meu pseudo Herbário.
Fico feliz em conseguir colocar em prática algo que há tempos queria. Minhas flores secas já estavam pedindo para saírem dos potinhos e terem alguma utilidade! 

Ando encontrando algumas dificuldades para identificação das plantas, mas está tudo sob controle! ♥



A arte boa de colher flores, principalmente no quintal de casa, é que eu tenho essa parceira incrível ao meu lado.
Sisi pode até estar cansada de mim, não dormir ao meu lado e preferir a cama da minha irmã, mas que ela me ama... Ah, ela me ama!


Aos poucos comecei a tirar as minhas florzinhas e folhinhas que estavam há tempos armazenadas "corretamente" em um potinho de alimento reaproveitado. 
Algumas o tempo foi cruel, mas com outras, ficou tudo ótimo.


Perdi um livro secando essas flores, mas o resultado dessa flor de Hibisco ficou lindo demais! 

Já falei que a Ísis é a minha maior companheira?

Só amor


Fiz uma capa meia porca, mas, tá tudo bem.


Vida que segue, balançada mas segue, meu herbário está, aos poucos, ganhando forma e cores. :)


Esses são alguns dos exemplares que colhi e estou colocando em ordem. 
São inúmeros, e ainda estou com tempo escasso para organizá-los. 
Optei por colar, ao invés de costurar, como aprendi na faculdade. Assim como colocar uma folha revestindo a flor, o que, na minha intuição, ajuda a manter a qualidade e as características do exemplar. 
Se dá certo? Não sei. Por experiência própria perdi algumas, e dessa vez não quero arriscar.
Fiz uma encadernação manual, brochura, na possibilidade de acrescentar mais folhas ao decorrer do ano (ou dos anos, né). - Espero não desistir!

Uma das minhas dificuldades têm sido identificar as plantas. 
É bem difícil identificar algumas flores que colhi aleatoriamente, por motivos de: algumas nunca vi, outras não lembro o nome, outras não encontro em livros como "Enciclopédia Botânica", e outros mais motivos que se estendem sem precedentes.
Triste.

Mas gostei do resultado e até que estou super animada em continuar! 

Finalmente, parei de procrastinar!

Que Março traga o dobro de sorrisos, momentos felizes e amor que Fevereiro trouxe!